Como saber se um vinho passou pela madeira

Marco Antônio Carbonari

Marco Antônio Carbonari explica que um vinho que passou por barricas de carvalho, isto é, pela madeira, tem mais qualidade que aqueles que não passaram pelo mesmo processo. Sendo assim, como nem todos os vinhos possuem em seu rótulo essa informação, o empresário explicará, neste artigo, como identificá-lo.

De modo geral, muitos enólogos consideram um mistério saber se um vinho passou ou não pela madeira, quando não especificado. Isso porque não é uma tarefa fácil, já que há circunstâncias em que compostos voláteis podem se formar e dar a sensação de que a madeira esteve presente na bebida, mesmo sem nunca ter tido contato com a mesma.

Desse modo, Marco Antônio Carbonari explica que o carvalho e a barrica de carvalho são a madeira e maneira mais comuns pela qual pode-se passar os vinhos. No entanto, elas não são as únicas, pois há outros tipos de maneira que podem fazer esse trabalho, bem como outras maneiras, como as lascas e ripas que podem ser recebidas pelo vinho.

Sendo assim, para saber se um vinho passou pela madeira, há algumas características identificáveis através do aroma. Para os vinhos tintos, sobretudo, se o aroma for de baunilha, fumaça, café, caramelo, cedro, canela, coco, noz-moscada ou leito, será possível saber que aquele vinho passou pelo carvalho.

Por fim, Marco Antônio Carbonari explica que apesar de os vinhos que passaram pela madeira serem mais difíceis de identificar, não é impossível. Por isso, antes de apreciar um bom vinho, verifique sua aparência e sabor antes de se surpreender.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui