O que são taninos e por que são tão importantes para os vinhos?

Quando se fala em vinho, seja ele tinto, branco, jovem ou maduro, a palavra “tanino” é sempre mencionada. Marco Antonio Carbonari, dono da vinícola Villa Santa Maria, diz que muitas pessoas dizem que ele é o responsável pelo gosto seco do vinho, fazendo com que sintam a adstringência no fundo do palato. O tanino tem essa e muitas outras características. Vamos entendê-los melhor?

O tanino é uma substância química encontrada em sementes, cascas e caules de frutos verdes, funcionando como um mecanismo de defesa, por conta do seu sabor amargo, contra pragas e predadores. Entre alguns alimentos ricos em taninos podemos citar: uva, cravo-da-índia, romã, maçã, pêra, etc. Mas eles não são encontrados apenas na comida, mas também na madeira dos barris de carvalho onde o vinho é guardado.

No vinho, devido ao seu efeito adstringente, este elemento torna a textura do vinho seca, amarga e encorpada, além de ajudar a conservar a bebida, pois confere mais estrutura e longevidade ao vinho. Portanto, os tipos com mais dessas substâncias podem ser envelhecidos por um período mais longo – famosos vinhos de guarda. Geralmente, o vinho tinto é o vinho com o maior conteúdo de tanino. Marco Antonio Carbonari diz que é importante lembrar que o tipo de armazenamento e a duração do mesmo também afetam a resistência dos taninos. Quanto mais tempo o vinho é armazenado, mais suave é o sabor, tornando o vinho mais macio e agradável de beber.

O vinho feito com casca de uva mais grossa tem uma aparência mais espessa e durável e é, geralmente, conhecido por seus sabores ácidos e taninosos. Entre os vinhos famosos temos os elaborados a partir de Cabernet Sauvignon e Shiraz. As uvas Merlot, Pinot Noir e Gamay tornam a estrutura e o sabor do vinho mais leves.

No que diz respeito à saúde, os taninos têm propriedades antioxidantes, que são muito úteis para o nosso corpo. Na verdade, pesquisas científicas mostram que os taninos do vinho são mais benéficos e poderosos do que o chá e outras bebidas. Marco Antonio Carbonari diz que isso ocorre porque ele pode não apenas reduzir o colesterol ruim e retardar o envelhecimento celular, mas também fortalecer as paredes arteriais e prevenir o bloqueio das veias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui