Saiba o que é vinho varietal e vinho de corte

Marco Carbonari é enófilo assumido empresário e especialista em vinhos há mais de 10 anos. Sua paixão pela bebida é tamanha que, juntamente de sua família, fundou a Villa Santa Maria, vinícola renomada no interior do estado de São Paulo. Desse modo, repleto de amor, paixão e devoção pelo vinho, além de estrondoso conhecimento acerca do assunto, Marco Carbonari explica o que é vinho varietal e vinho de corte.

Basicamente, um vinho varietal é um vinho que é constituído por apenas uma espécie de uva, ou em grande parte por uma única cepa. Já os vinhos de corte, ou os chamados blend ou assemblage, são vinhos feitos a partir de uma pluralidade de cepas de uvas, assim explica Marco Carbonari, especialista em vinhos.

Como exemplo, há o vinho Merlot. Produzido, majoritariamente, por uvas do tipo Merlot, uma casta conhecida por sua qualidade e sabor. Contudo, os Bordeaux, por exemplo, é um ótimo exemplo de vinho assemblage, pois é produzido a partir de três uvas francesas: a Merlot, referenciada há pouco, a Cabernet Sauvignon e, por fim, a Cabernet Franc.

Para essa diferenciação há diversas explicações, pois os propósitos são diferentes. “Engana-se quem acha que vinhos de corte possuem uma qualidade inferior aos varietais, pois os blends compõem um sabor complexo e delicioso”, enfatiza Marco Carbonari. Dessa maneira, a título de diferenciação não cabe julgar a qualidade de ambos, pois possuem objetivos distintos.

Os vinhos varietais, assim como os vinhos de corte possuem propriedades únicas que garantem um sabor sublime e encantam os enófilos, assim como Marco Carbonari. O especialista em vinhos diz:”os vinhos são bebidas deliciosas e perde-se muito em julgar qual é melhor ou pior, pois a pluralidade de sabores e aromas é magnífica.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui